Seu browser não suporta JavaScript!

Brasília,08/08/2011 - A maioria dos visitantes de Brasília vem a trabalho ou para congressos, convenções ou eventos. Esses turistas ficam pouco tempo, pois não conhecem bem as opções de entretenimento, além de visitas aos monumentos arquitetônicos do centro do Plano Piloto. Esses são alguns detalhes do perfil dos turistas da Capital Federal, traçado por pesquisadores do Centro de Excelência em Turismo da Universidade de Brasília (CET/UnB). A Copa do Mundo de 2014 surge como oportunidade de a cidade se colocar como destino turístico atrativo. Mas até lá, ainda há muito a ser feito.


Várias potencialidades turísticas locais são mal-exploradas. “Brasília capta menos turistas de lazer, porque as pessoas não reconhecem que a cidade tem opções de entretenimento, como atrativos culturais, naturais, artísticos. Essas alternativas são pouco divulgadas”, diz a coordenadora de Projetos de Turismo do CET/UnB, Elisângela Machado. Para ela, esse é o motivo que também leva os turistas a ficarem pouco tempo na Capital. “O visitante não encontra opções de lazer e acaba ficando pouco”, explica.

Os dados do CET/UnB mostram, por exemplo, que os shoppings centers estão na segunda posição entre os locais mais visitados por turistas que vêm a lazer ou por negócios, perdendo apenas para a Catedral. Enquanto isso, o percentual de turistas que se envolve com outras opções de entretenimento, como ecoturismo, atividades náuticas, esoterismo, atrações culturais, apresentações artísticas, entre outras alternativas, é pequeno.


Fonte: Clica Brasília; 08/08/2011


Centro de Excelência em Turismo Campus Universitário Darcy Ribeiro, Brasília - CEP 70904-970 Telefone ( 61)3107 5955
Copyright © 2014 Universidade de Brasília. Todos os direitos reservados.